abstract-luxury-plain-blur-grey-black-gradient-used-as-background-studio-wall-display-your

Regulamento

Selo.png

1.0     DO PRÊMIO

     1.1     Visando estimular o desenvolvimento da Transparência nas companhias, a ANEFAC (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade) instituiu desde 1997 vem premiando as companhias que apresentam as melhores divulgações de suas demonstrações financeiras com o Troféu Transparência – Prêmio ANEFAC.

     1.2     O Prêmio foié idealizado e realizado pela ANEFAC.

     1.3.1 Etapas

WhatsApp Image 2022-07-31 at 18.44.25.jpeg

2.0     DOS TRABALHOS E DAS CATEGORIAS

     2.1     Não há inscrições, em 2022, concorrem ao Troféu Transparência - Prêmio ANEFAC - todas as companhias, ou seja, as Sociedades Anônimas, de capital aberto, sediadas em território nacional, que publicam suas demonstrações financeiras, com atuação nas áreas de comércio, indústria e serviços - exceto serviços financeiros são candidatas.

     2.2     As demonstrações financeiras utilizadas para avaliação são aquelas publicadas, conforme determina a Lei das S.A. e deverão conter as seguintes informações: 

                       

        2.2.1     Relatório da Administração

        2.2.2     Balanço Patrimonial     

        2.2.3     Demonstração do Resultado                           

        2.2.4     Demonstração do Resultado Abrangente

        2.2.5     Demonstração das Mutações Patrimoniais

        2.2.6     Demonstração dos Fluxos de Caixa

        2.2.7     Demonstração do Valor Adicionado

        2.2.8     Notas Explicativas

        2.2.9     Relatório dos auditores independentes

     2.3    O Troféu Transparência - Prêmio ANEFAC - será concedido em três categorias:

        2.3.1     Companhias com Receita Líquida abaixo de R$ 5 bilhões

        2.3.2     Companhias com Receita Líquida de R$ 5 até R$ 20 bilhões

        2.3.3     Companhias com Receita Líquida acima de R$ 20 bilhões

 

​     2.4     O Prêmio não leva em consideração os resultados e a situação econômico-financeira das companhias, os quais não interferem no processo de seleção, mas sim a transparência e a clareza das informações prestadas pelas companhias ao mercado, que geram valor agregado ao negócio. O Prêmio não avalia a gestão das companhias, mas a qualidade das demonstrações financeiras apresentadas. 

     2.5      A demonstração financeira, analisada no Troféu Transparência, é aquela publicada no ano correspondente em que a premiação acontece, referente ao exercício imediatamente anterior, não sendo avaliadas as demonstrações de anos anteriores daquela companhia.

3.0     DA SELEÇÃO

     3.1     Para ser selecionada a receber o Troféu Transparência - Prêmio ANEFAC - serão analisados:

        3.1.1     Qualidade e grau das informações contidas nas demonstrações financeiras e notas explicativas

        3.1.2     Transparência das informações prestadas

        3.1.3.    Clareza do Relatório da Administração e sua consistência com as informações divulgadas

        3.1.4.    Aderência integral às Normas Contábeis 

        3.1.5.    Não apresentar modificações (ressalvas) no relatório dos auditores independentes

        3.1.6.    Apresentação da divulgação quanto a layout, legibilidade, concisão, clareza etc.

        3.1.7.    Divulgação de aspectos relevantes, mesmo que não exigidos legalmente, mas importantes para o negócio como: Ebitda, valor econômico agregado, balanço social, EGS, destaques aos ativos intelectuais, efeitos contábeis da inflação, dentre outros. (e ambiental etc.)

     3.2     São selecionadas as ganhadoras divididas em três categorias, conforme item 2.3, na quantidade máxima de 30 empresas selecionadas.

 

4.0     DA ANÁLISE TÉCNICA

     4.1     Na primeira fase, a diretoria executiva, analisa as demonstrações financeiras, avaliando os quesitos técnicos preestabelecidos, para que sejam consideradas transparentes; da mesma forma, indicam as demonstrações que devem ser eliminadas com as devidas argumentações.

     4.1     Na segunda fase, o Comitê Técnico, ligado à diretoria executiva, realiza uma nova análise para identificar aquelas demonstrações que atendem aos pré-requisitos do Prêmio, justificando suas escolhas. A avaliação é realizada em diversas etapas, até chegar à seleção das companhias indicadas à próxima etapa.

     4.2     Em ambiente acadêmico, a Avaliação Técnica, uma equipe composta por um grupo de professores especialistas na área contábil, avalia as demonstrações financeiras em uma nova rodada de diversas etapas onde são estabelecidos rankings de pontuação de acordo com os requisitos técnicos estipulados.

     4.3     Dentre as companhias credenciadas indicadas ao Prêmio, a Comissão Julgadora fará a escolha das 30 ganhadoras do Troféu Transparência, divididas nas 3 (três) categorias. 

     4.4     A fase final, compreende a eleição de um destaque em cada categoria, cujos nomes são divulgados somente na cerimônia de entrega do Troféu Transparência. 

    4.5     Dos membros

            4.5.1 Diretoria Executiva: Marta Pelucio, Luciana Bacci, Antonio Carlos Machado, Bolí Rosales, Carlos Matavelli, e David Kallas.

            4.5.2 Comitê Técnico: Clóvis Ailton Madeira (coordenador), Rosana Gonçalves e Fabiano Lima, Cecilia Geron, Fabiana Lopes, Pier Paolo e Vera Ponte.

4.5.3 Avaliação Técnica: FECAP: Ahmed Sameer El Khatib (coordenador), Allan Silva de Carvalho, Bruno Dias De Melo, Edna Yayoi Hirakawa Goto, Leandro Bryk, Anderson da Silva Pinto, Eudes Martins de Araújo, Lincoln de Jesus Peres, Ricardo de Oliveira Prado, Francisco Ferreira Diniz, Rafael Pascoto Fugimoto e Tiago Nascimento Borges Slavov.

        4.5.4 Comissão Avaliadora: Pedro Farah, (coordenador), Amaro Gomes, Eric Martins, Vania Borgerth e Alexandre Sanches Garcia.

 

5.0     DA PREMIAÇÃO E DO EVENTO 

     5.1     Ao receber da comissão julgadora o nome das ganhadoras, a ANEFAC inicia o processo de divulgação da premiação e envia um comunicado as companhias vencedoras, que, em seguida receberão um certificado concedendo o Troféu Transparência daquele ano. 

     5.2     Já o O Troféu é entregue a cada uma das companhias ganhadoras durante uma cerimônia, realizada em São Paulo, em data a ser definida pela ANEFAC.

     5.3     A ANEFAC entregará, na ocasião da premiação, um troféu para o representante da empresa e outro para o contador que assinou as demonstrações financeiraso balanço.

     5.4     Na Cerimônia de premiação, haverá a indicação de 1 destaque de cada categoria da premiação, a partir da definição da comissão julgadora do Prêmio.